Home Colunas Em “Crip Camp: Revolução pela Inclusão”, a representação se destaca